Higiene-pessoal-infantil-Como-escovar-dentes-sem-reclamar

Dentes saudáveis, sorriso mais bonito!

Higiene-pessoal-infantil-Como-escovar-dentes-sem-reclamar

 

Dentes saudáveis, sorriso mais bonito!

A saúde bucal das crianças, geralmente, é mais observada pelos pais quando elas se queixam de dores – quando, na verdade, o deveríamos era prevenir. O fato é: guardar 10 minutinhos do nosso para se dedicar aos dentes dos pequenos já pode fazer uma grande diferença e evitar muitos problemas.

Confira algumas dicas de saúde bucal focadas para crianças:

– Muitas bebidas têm mais açúcar do que imaginamos, como os sucos de caixinha e isotônicos, por exemplo. Estas bebidas, se tomadas em excesso, podem comprometer o esmalte dos dentes e aumentar a sensibilidade. Por isso, vai o alerta: é importante tomar mais água e leite, além de conferir o rótulo das embalagens dos sucos prontos.

– Segundo dados de uma Pesquisa Nacional em Saúde Bucal, realizada em 2010, uma em cada três crianças, entre um ano e meio e três anos de idade, tem pelo menos um dente de leite cariado. Nada legal! Escovar os dentes com flúor ao final de cada refeição é essencial para evitar as terríveis cáries. O fio dental também é muito importante para a saúde dos dentes. Não tem idade mínima para a utilização (se for com o produto apropriado para a idade), mas crianças a partir de 10 anos que já tem coordenação para fazer esta limpeza por conta própria. Clique aqui para ver algumas dicas para uso do fio.

– Pesquisas apontam também que uma em cada sete crianças já desenvolveu uma lesão de cárie extensa. O que é muito doloroso e não queremos que isso aconteça com nossos pequenos, logicamente. Então, cuide muito e não deixe de levar as crianças ao dentista a cada seis meses ou a cada um ano, pelo menos, ok?

Se o menor dorme com a boca aberta ou tem dificuldade em ficar com os lábios fechados, procure ajuda de um profissional. Crianças que respiram somente pela boca podem ter alguns problemas, como desenvolvimento anormal da arcada dentária, dentes tortos e gengivite.  Essas crises respiratórias podem interferir em outras partes do corpo, pois a respiração bucal compromete o progresso das estruturas ósseas da face e arcadas dentárias, o que pode tornar o rosto fino e alongado. O ideal é tratar esses problemas com um otorrinolaringologista e ter o acompanhamento de um ortodontista, para que a criança possa utilizar aparelhos, tornando o crescimento facial normal, além de promover uma respiração correta.

– Todos já estamos carecas de saber que o aleitamento materno traz mil e um benefícios, não é verdade? Ele é uma das melhores medidas para prevenir o uso da chupeta. O instinto de sugar é saciado com o aleitamento, por isso não há a necessidade de usar estímulos artificiais, como a chupeta e brinquedos de borracha. Além disso, a partir do momento que o bebê mama no peito, trabalha intensamente a musculatura facial, influenciando a estrutura óssea e muscular.

O que acharam dessas dicas? Muito boas para cuidarmos do sorriso dos pequenos!

 

Acesse www.swimcolors.com.br
#imaginecolorido

Deixe uma resposta